Como chegar na Praia do Sono em Paraty RJ

Como chegar na Praia do Sono

Vários amigos sempre me diziam que eu precisava conhecer a Praia do Sono, falando muito bem do local e como gostaram dos dias que passaram lá. Resolvi conferir e encontrei uma paz imensa, sinal de celular que nem me interessava, pessoas incríveis com riso fácil e histórias malucas. Vou contar aqui para vocês todas as maneiras de como chegar na Praia do Sono para não perderem de conhecer esse paraíso em Paraty no Estado do Rio de Janeiro.

Ah, o que me deixou mais feliz por lá foi que o tempo parecia não existir. Preocupação? Só com qual tipo de bolo eu iria comer.

COMO CHEGAR NA PRAIA DO SONO SAINDO DE SÃO PAULO

Pegamos um ônibus na rodoviária do Tietê que vai direto para Paraty. Como viajamos de madrugada, chegamos bem cedinho na rodoviária de Paraty e por lá esperamos dar o horário do primeiro ônibus para a Praia do Sono.

LEIA MAIS:
O que fazer em Paraty, pelo blog Vou Na Janela
Trindade Roteiro Completo, pelo blog Até Onde Eu Puder Ir

Esse outro ônibus tem como destino final a “Vila Oratório” e custa R$ 4,25 por pessoa. Dele você tem duas opções:

  • TRILHA: foi minha opção para a ida à praia. Descemos no ponto final do ônibus Vila Oratório e a trilha começa praticamente em frente à ele. A maioria que desce ali também irá fazer a trilha, tanto que fizemos amizades com algumas pessoas.
    A trilha é gratuita e leva em torno de 01 hora para ser concluída, com 3km de percurso.
    No começo deu uma abalada na minha estrutura porque é só subida com uns degraus e eu estava com o mochilão com barraca e tudo mais nas costas.
    Depois de uns 15 minutos que parecem uma eternidade, o trajeto melhora um pouco, mas tomem cuidado porque tem muitas pedras e obstáculos no caminho.
    Não esqueça de se hidratar!

     

    Como chegar na Praia do Sono
    Vista da Praia do Sono que temos na trilha
  • BARCO: minha opção para a volta. Ele custa R$ 30,00 por pessoa por trajeto, ou seja, se decidir ir de barco na ida e na volta, pagará R$ 60,00. A entrada fica dentro de um condomínio e somente veículos autorizados tem acesso, possuindo, assim, uma van que te leva da entrada até o ponto de embarque gratuitamente.
    Lá na praia ficam vários barquinhos reunidos quase no meio dela. É só verificar qual barqueiro irá sair, pagar em dinheiro e ir embora. Te deixarão num cais para pegar a van de volta para o ponto de ônibus.

Se você for de carro, precisará deixá-lo em um estacionamento e seguir para a Praia do Sono de barco ou de trilha. Nenhum veículo entra na praia. A maioria vai de trilha e volta de barco, como fizemos.

HOSPEDAGEM

A vibe das hospedagens na Praia do Sono é o camping. Se você não é adepto dessa prática, existem várias casinhas e chalés para alugar e você pode entrar em contato nos telefones desse site.

Eu fui em um feriado pra lá e fiquei com medo de não ter vaga em nenhum camping, então fiz a reserva antecipadamente pela internet. Mas depois que cheguei na praia vi que isso é besteira.

São tantos campings que até fiquei perdida pra encontrar o meu e os preços eram bem mais baratos lá do que pela internet. Acredito que somente em épocas como carnaval e ano novo seja bom fazer uma reserva antecipada.

Aliás, muitos campings nem aparecem nas buscas da web. Minha dica é que você passeie por alguns e veja qual te atende melhor em questão de preço e estrutura.

REFEIÇÕES NA PRAIA DO SONO

Se você vai acampar, a melhor opção é levar comida e prepara na cozinha do camping, sai muito mais barato do que qualquer outra alternativa.

Nós fizemos amizade com boa parte do nosso camping e juntamos a comida que cada um levou (um moço oferece um peixe que ele havia pescado), o que nos proporcionou um belo banquete.

Existe na Praia do Sono um mercadinho, mas os preços não são baratos por lá, porém salva a vida em uma emergência.

E claro, existem restaurantes também, caso você não queira fazer comida e lavar louça.

O que eu recomendo comer pelo menos uma vez são os bolos. Eles são muito gostosos e tem de vários sabores como chocolate, cenoura, aipim… queria provar todos!

O QUE FAZER NA PRAIA DO SONO

Uma das melhores sensações de chegar na Praia do Sono com certeza é a de estar livre de obrigações.

A arte de fazer vários nadas

Se você quiser vários vários nadas, com toda certeza vai aproveitar muito esse momento. Porém, se quiser mais agito, a noite você pode ir andando e ver quais lugares estão abertos rolando música ou até mesmo se juntar à uma galera que está trocando ideia na praia.

Para os aventureiros, o que não falta por ali são trilhas a fazer. O melhor é que elas podem te levar tanto para outras praias quanto para cachoeiras. Quer combinação melhor?

As trilhas podem durar horas, dias e até semanas. Depende da sua gana em andar e de seu tempo disponível. Existe uma trilha bem rapidinha (juro) que começa na igrejinha e te leva até uma cachoeira que chama Poço do Jacaré. É a melhor pedida para quem não quer fazer muito esforço físico.

Vou deixar aqui fotos de um mapa que direciona para todas as trilhas.Como chegar na Praia do Sono

 

PLANEJE SUA VIAGEM!

Toda reserva que você faz por um link aqui do blog eu ganho uma pequena comissão, enquanto você não paga nada a mais por isso. E ainda ajuda a manter o Além da Curva no ar, com muitas novidades sempre.

Então, que tal reservar?

Hospedagem com ótimos preços pelo Booking.

Aluguel de quarto ou apartamento pelo Airbnb.

Seguro viagem pela Seguros Promo.

Chip internacional com a Viaje Conectado.

Você pode gostar

6 Comentários

  1. Fiz o mesmo caminho que você para chegar na Praia do Sono: ônibus + trilha. Achei bem tranquilo!

    É minha praia favorita em Paraty! =)

    Ótimas dicas!
    Abraço

  2. não tinha ouvido falar sobre a praia do sono, parece uma otima opção em paraty! o bom do rio é que da pra curtir praia o ano inteiro!

  3. Que máximo a Praia do Sono em Paraty! São tantas praias lindas na região que é até difícil escolher. Ela me lembrou bastante Trindade, pelo visual e por ter que fazer uma trilha para chegar (embora a de Trindade seja menor). Amei a dica!!!

  4. Esta região de Paraty é muito linda, né? Nesta parte só conheci Trindade, mesmo, e pra chegar lá tinha que passar pela Ladeira Deus me Livre, que no fim dos anos 1990 foi finalmente asfaltada. O estacionamento para tomar a van e o barco é gratuito?

    1. Trindade eu ainda não conheço mas alguns amigos dizem que irei amar, preciso ir! Quanto ao estacionamento, é pago. Existem alguns estacionamentos e a média da diária do preço na época que visitei era de R$ 25,00.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *