O que fazer em Palmas em 2 dias

o que fazer em palmas em 2 dias

Quem vai ao Jalapão certamente passará pela capital do Tocantins e eu recomendo fortemente que separe uns 02 dias para conhecê-la, pois a cidade tem muita atração legal e merece atenção. Eu separei um dia antes de ir para o Jalapão e um dia depois de voltar da expedição para ver um pouco da cidade. Bora comigo descobrir o que fazer em Palmas em 2 dias.

Tocantins é o Estado mais novo do Brasil, localizado na região Norte e foi criado na Constituição Federal de 1988, sendo sua capital Palmas inaugurada em 20 de maio de 1989 e instalada em 01 de janeiro de 1990.

Onde se hospedar em Palmas

No planejamento que fiz, resolvi reservar uma noite na chegada ao Tocantins e mais uma noite na volta do Jalapão no Hotel 10 em Palmas (parceiros do Blog Alem da Curva), assim poderia curtir a cidade um pouco melhor, sem correr tanto.

Ah, peguei o voo da volta pra São Paulo a noite, assim pude deixar as malas no hotel após o check-out e continuar passeando pela cidade sem preocupação.

  • LOCALIZAÇÃO: o Hotel 10 Palmas fica a 500 metros do Palácio Araguaia e Praça dos Girassóis. O Uber de lá para todos os lugares que frequentamos de carro era baratinho. Até o Shopping Palmas são 20 minutos de caminhada.o que fazer em palmas em 2 dias
  • QUARTOS: ficamos em quartos amplos, com 02 camas de casal grandes e muito confortáveis, que foi ótimo principalmente depois de horas na estrada durante a volta do Jalapão. Possui TV, frigobar, ar condicionado e Wi-fi que pegou extremamente bem. O banheiro era muito limpo e com um bom tamanho, sendo a pia do lado de fora. A roupa de cama e toalhas também estavam limpas. No fim do corredor, dos dois lados, possui uma janela enorme com vista bem bacana da cidade de Palmas. Aliás, o elevador possui janela panorâmica e o Hotel 10 possui 14 apartamentos acessíveis. Eles não possuem restaurante ou serviço de quarto, mas caso queira existe uma loja de conveniência dentro do hotel.
  • CAFÉ DA MANHÃ: servido das 06h30 às 09h30, possui pães diversos, torta salgada, leite, café, iogurte, achocolatado, frutas da estação, omelete, salsicha, calabresa, frios, pães de queijo, bolos, gelatina e salada de frutas. Tudo de ótima qualidade.

Onde comer em Palmas

  • Restaurante Ecológico: um self service com boas opções por R$ 14,00. Quem levou a gente para comer por lá foi o Junera da Jalapão Calliandra. O lugar é bem grande, num espaço rústico e contém pratos da região como o arroz de pequi.
  • Shopping: outro lugar com opções democráticas para comer são as praças de alimentação dentro dos Shoppings da cidade. Conhecemos dois: o Capim Dourado Shopping e o Shopping Palmas, e os dois possuem restaurantes conhecidos.

O que fazer em Palmas em 2 dias

Assim que chegamos no aeroporto fomos recepcionadas pelo Junera da agência Jalapão Calliandra Ecoturismo, que além da expedição ao Jalapão, acompanha os turistas em um city tour histórico, cultural e ecológico na capital do Tocantins. E ele nos levou direto para conhecer alguns pontos muito interessantes, que contam muito a história de Palmas.

LEIA MAIS:
Tudo que você precisa saber para visitar o Jalapão!

  • Parque Cesamar:

Criado em 1998 para ser um espaço de melhoria de qualidade de vida da população. Por lá fica a Casa Sussuapara, sede da primeira prefeitura de Palmas e que hoje funciona um museu Casa da Cultura, abrigando um acervo histórico da capital com fotos e documentos da história de Palmas.

Quando fizemos a visita fomos recebidas com um mar de capivaras, que até o próprio Junera se surpreendeu.

  • Palácio Araguaia:

Sede do poder executivo estadual, foi inaugurado em 09 de março de 1991. Fica na Praça dos Girassóis. Aqui encontramos o marco do centro Geodésico do Brasil, que fica nas escadarias no palácio.o que fazer em palmas em 2 dias

  • Praça dos Girassóis:

Está no centro do plano diretor de Palmas, com uma área útil de 14 mil metros quadrados. É considerada a maior praça pública das Américas e a segunda maior do mundo.

  • Memorial Coluna Prestes:

Obra de Oscar Niemeyer que condecora a marcha realizada pela Coluna Prestes na região.

  • Monumento aos Dezoito do Forte de Copacabana:

Localizado na frente do Memorial Coluna Prestes, é uma homenagem aos 17 militares e um civil que se rebelaram contra a República Velha. Nas esculturas vemos 19 pessoas, pois incluíram o fotógrafo que registrou tudo na época.

  • Museu Palacinho:

Primeira edificação construída em Palmas e a primeira sede do poder executivo do governo do Tocantins. Hoje é o Museu Histórico do Tocantins, que nos leva em uma viagem no tempo, história e criação desse Estado.

Ele encontra-se em uma parte alta da cidade, portanto a vista é bem legal. Junera, nosso guia, mostrou em uma fotografia que tem no Museu Palacinho, a primeira escola de Palmas, onde ele próprio estudou.

  • Praia de Luzimangues:

Atravessamos a ponte que passa por cima do Rio Tocantins e chegamos nessa praia do rio que é uma delicinha e conta com uma visão privilegiada de Palmas. Acabamos não entrando na água, mas o ambiente é bem tranquilinho.

  • Placa Eu Amo Palmas:

Depois de chegar no Hotel 10, deixar nossas coisas e descansar um pouco, fomos para o Capim Dourado Shopping jantar e comprar um protetor solar que eu havia esquecido.

Na entrada do shopping fica a placa Eu ❤ Palmas e como hoje essas placas estão super na moda, vale a pena parar ali pelo menos para garantir a foto.o que fazer em palmas em 2 dias

  • Praia da Graciosa:

Em nosso último dia saímos para ir em uma loja de artesanatos e depois fomos conhecer a Praia da Graciosa, que estava super tranquilinha, talvez porque era dia de semana, não sei ao certo. É praia de rio também, então a água é super calminha.

  • Praia do Prata:

Essa é uma praia que eu não conheci, mas óbvio que deixarei a dica aqui para vocês. Essa é a praia mais frequentada de Palmas e parece muito gostosa.

  • Ilha do Canela:

Se eu tivesse um terceiro dia com certeza iria aproveitar esse espaço. É uma propriedade particular onde só pode chegar de barco que sai da Praia da Graciosa.

É um passeio recomendadíssimo, todos falam da Ilha do Canela, uma pena eu não ter conhecido.

* Esse post contém o apoio da agência Calliandra Ecoturismo que nos concedeu um city tour em nosso primeiro dia na cidade, bem como a cortesia de duas diárias com café da manhã pelo Hotel 10 Palmas. Por favor, veja a política do blog para mais informações.

PLANEJE SUA VIAGEM!

Toda reserva que você faz por um link aqui do blog eu ganho uma pequena comissão, enquanto você não paga nada a mais por isso. E ainda ajuda a manter o Além da Curva no ar, com muitas novidades sempre.

Então, que tal reservar?

Hospedagem com ótimos preços pelo Booking.

Aluguel de quarto ou apartamento pelo Airbnb.

Seguro viagem pela Seguros Promo.

Chip internacional com a Viaje Conectado.

Você pode gostar

9 Comentários

  1. Que lindas dicas para explorar Palmas. Adorei o Parque Cesamar e as suas capivaras. Nunca vi tantas, no mesmo lugar. E a Praia de Luzimangues. Que linda e tranquila!

    1. As capivaras foram um achado mesmo, até o guia se surpreendeu com tantas. Ele estava procurando em outro local para nos mostrar e de repente elas estavam ali bem na nossa frente rs Muito especial.

  2. Esse post não merece só Palmas, mas o Tocantins inteiro… rs Que legal, viu, nunca tinha visto um post dessa cidade, gostei muito.

  3. Oi Ju, como ce está? Otimo post, tudo muito bem explicado. Gostei e estou interesado em fazer uma visita, quando seria uma boa época para ir lá?

    1. Olá, estou bem e você? Muito obrigada! Olha, acredito que Palmas possa ser visitada durante todo o ano, devido às altas temperaturas do Estado do Tocantins. O período chuvoso vai de novembro a abril, porém eu visitei em fevereiro e não peguei chuva na capital, pelo contrário, peguei muito calor. Setembro e Outubro são os meses mais quentes por lá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *