O que fazer em Buenos Aires: Bosques de Palermo

O que fazer em Buenos Aires em 3 diasO que fazer em Buenos Aires em 3 dias Bosques de Palermo

Em nosso segundo dia de visita à Buenos Aires, resolvemos fazer os Bosques de Palermo e o museu MALBA, foi bom separar um dos nossos 3 dias para esses lugares. Foi a parte que mais me agradou.

Os parques são conhecidos como Bosques de Palermo ou Parque Tres de Febrero.

O QUE FAZER EM BUENOS AIRES EM 3 DIAS – BOSQUES DE PALERMO

  • Jardim Botânico Carlos Thays:Eu sou apaixonada por jardins botânicos e o da Argentina não deixou a desejar, também me encantou muito.
    Declarado Patrimônio Histórico Natural, contém mais de 5000 espécies divididas de acordo com o estilo: romando, oriental e francês. Além de encontrarmos por lá a Escola Municipal de Jardinagem, uma biblioteca e muitas esculturas espalhadas.
    Cheguei até ele pela linha verde do metrô, descendo na estação Plaza Italia.
    É gratuito e espere caminhar bastante. Leve água para se hidratar.
  • El Rosedal:Um jardim com tantas rosas que até mesmo quem não é romântico fica um pouquinho mais doce.
    Foi declarado Patrimônio Cultural da Cidade e, aparentemente, mesmo se visitar no inverno, terá a chance de encontrar algumas flores.
    No lago existem pedalinhos que você pode alugar para passear.
    Pegamos um Uber do Jardim Botânico até o Rosedal, mas se você curtir fazer caminhadas, eles estão a 30 minutos de distância a pé um do outro.
    A visita é gratuita e repleta de lugares lindos para fotografar.
  • Jardim Japonês:Criado pela comunidade japonesa de Buenos Aires, esse é o lugar que mais me surpreendeu. Pois quando pesquisei na internet sobre lá, vi relatos de pessoas contando como amaram passear ali mas nada me chamou muito a atenção.
    Incrível como pisando no jardim a atmosfera me envolveu e me fez ficar apaixonada por esse cantinho.
    Por lá existe um restaurante, mas acabamos não visitando.
    Dizem ser o maior Jardim Japonês fora do Japão, os lagos são habitados por carpas e achei a riqueza nos detalhes impressionante.
    Cada atenção dada em cada cantinho do parque faz valer e muito a recomendação. É tudo muito bem cuidado, a Gi, que é uma asiática de coração, ficou apaixonada e não queria ir embora dali.
    Fui caminhando do Rosedal até o Jardim Japonês, é bem pertinho.
    O ingresso custa $ 150 pesos.
  • Planetário: infelizmente não conhecemos, mas como você são mais espertos, irão visitá-lo e me contar como foi!

MALBA – Museo de Arte Latinoamericano de Buenos Aires:

Na época em que visitei o museu, sua maior exposição era México Moderno Vanguardia y Revolución, com obras de Frida Kahlo e Diego Rivera, entre outros.

Essa é a casa da famosa obra de arte Abaporu da brasileira Tarsila do Amaral. Porém ela acaba rodando muito e estava no Brasil quando visitei Buenos Aires, que desencontro!

Custa $ 170 pesos para entrar, sendo que de Quarta-feira o preço cai para $ 85 pesos. No site oficial do MALBA você pode ver horário de abertura e de visitas guiadas.

Para chegar fomos a pé do Jardim Japonês.

Seguro Viagem: América do Sul
TA 40 Especial - Internacional Assistência médica USD 40.000 Bagagem extraviada USD 1.200 R$ 10/dia*
AC 35 INTER + TELEMEDICINA Assistência médica USD 35.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (COMPLEMENTAR) R$ 12/dia*
AT 40 INTER Assistência médica USD 40.000 Bagagem extraviada USD 1.500 (COMPLEMENTAR) R$ 25/dia*

Você pode gostar

2 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *